Chineses começam a construir elo entre Fiol e Porto Sul em fevereiro

A China tem interesse no empreendimento porque quer escoar a soja do Centro-Oeste até o porto baiano. O produto é o segundo principal comprado pelo país, atrás do minério de ferro.

Segundo o titular da Seplan, no dia 22 de janeiro, os chineses vão desembarcar em Salvador para discutir, além da Fiol, a construção da ponte Salvador-Itaparica, que terá a licitação aberta em abril, na sede da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), em São Paulo.

“Vai ganhar a licitação quem tiver cacife e a melhor proposta, mas acho que nenhuma empresa brasileira tem condições para executar a obra. Uma pena”, disse, ao ressaltar que para erguer a ponte e o Sistema Viário do Oeste (SVO) serão investidos em torno de R$ 7,6 bilhões.

Fonte: Bahia.ba

 

Compartilhe nas Redes Sociais:

©2018 | GBMX Criando Caminhos | Todos os direitos reservados